Pular para o conteúdo principal

Postagens

Dica de Filme

Coringa
2019
Direção: Todd Phillips


Nem de heróis, nem de vilões... Coringa é um filme de (e sobre) empatia
O bom cinema (aquele que fica "cravado" na sua mente) não é feito de obviedades. Apesar de "produtos enlatados" para consumo rápido serem lançados todo dia (e fazerem muito sucesso), o que fica para a posteridade mesmo é algo feito com o mínimo de audácia.

A questão é que, neste caso, as interpretações de uma obra audaciosa (e um tanto controversa) podem, sim, ser muito rasas, o que acaba diminuindo o que aquele filme quis expôr. Mas, inevitavelmente, sempre haverá julgamentos precipitados de qualquer obra.

Dito isso, Coringa pode ser classificado, a priori, como um filme de emoções intensas, porém, ele é muito mais do que isso, mesmo numa primeira assistida. Muitos gostarão, e outros detestarão, mas, pouquíssimos conseguirão ficar indiferentes ao que a nova produção da Warner tem a oferecer.

Por que (repito: POR QUE) um filme baseado em quadrinhos …
Postagens recentes
Dica de Filme

Parasitas
2019
Direção: Bong Joon Ho


Num mundo repleto de parasitas, a vida é um mero ato de sobrevivência
Mesmo que o mundo pareça (e só pareça) um lugar mais igualitário nos tempos atuais, é inegável que a divisão das classes sociais continua acentuada, bastante delimitada, e transpassar essas barreiras continua sendo um ato de ousadia. Até mais do que isso: no limite da necessidade de uma vida melhor, perdem-se os limites, os parâmetros. Num mundo diferente disso, Parasitas, novo trabalho do diretor Bong Joon Ho, seria um drama distante, sobre uma sociedade igualmente distante. Porém, fora os eventuais exageros de uma ficção, aqui o negócio é "quase" documental, um espelho que nós insistimos em não ver o seu reflexo. Certamente, não queremos nos ver em nenhum dos personagens aqui. Nenhum! Mas, precisamos...




Não, não se trata aqui do velho clichê "filme importante" ou "filme fundamental". Pelo menos, não somente isso. O roteiro é hábil, meticulo…
Dica de Disco

"This Land" Artista: Gary Clark Jr. Ano de lançamento: 2019

Um bom disco que mistura o moderno com altas doses de blues e rock'n roll

Blues e rock. Dois estilos que, literalmente, nasceram um para o outro. Mas que, há tempos não emplacavam um disco tão bacana quanto o mais recente lançamento do ótimo instrumentista Gary Clark Jr. Com apenas 35 anos, seu estilo é frequentemente comparado com o de Jimi Hendrix e de Steve Ray Vaughan, mas, ele vai um pouco além em termos de levar sua música a terrenos mais experimentais (até por conta da linha temporal que os separa). 
Gary Clark Jr. aproveita seu estilo peculiar para extrair da música sonoridades diferentes, usando e abusando da liberdade criativa em This Land. Nesse sentido, talvez a música mais "normal" que componha o disco seja a primeira música do álbum e faixa-título. Que é ótima, diga-se de passagem, mas que não dá conta do qual invetivo e interessante e esse trabalho. Porém, sem dúvida, é uma ótima…
Dica de Filme

Cafarnaum
2019
Direção: Nadine Labaki


Diretora do ótimo "E Agora, Aonde Vamos?" se vale do cinema-verdade para construir o seu filme mais cru e impactante

O cinema é um bom palco para reflexões (algumas, nem sempre tão memoráveis, ou até mesmo de gosto duvidoso). Ainda assim, é um ambiente propício para levantar temas, questionamentos e bons debates. Não que seja essa a única função da sétima arte, porém, é verdadeiramente gratificante ver quando um realizador (neste caso aqui, uma REALIZADORA, é bom frisar) consegue trafegar por áreas complicadas de um cinema mais cru, mais perturbador, conseguindo extrair muita reflexão desse material, e ainda ser um ótimo cinema em seus aspectos mais básicos (atuações, direção, edição, etc...). Cafarnaum, novo filme da cineasta Nadine Labaki, enquadra-se nesse contexto, apresentando uma história muito tocante, e que, de tão pesada, parece mais documental do que ficcional.




O peso de uma vida

Claro que é totalmente injusto fazer qual…
Dica de Filme

"Um Peixe Chamado Wanda"
1988
Direção: Charles Crichton


HUMOR POLITICAMENTE INCORRETO, INTELIGÊNCIA, PERSONAGENS FASCINANTES E SITUAÇÕES VERDADEIRAMENTE ENGRAÇADAS: EIS "UM PEIXE CHAMADO WANDA"
A função da comédia é fazer rir. Porém, como qualquer gênero, ela pode ir além do mero riso. Afinal, há de se ter substância para que uma risada seja não só autêntica, mas seja sempre engraçado se lembrar de determinados momentos de uma comédia. No cinema, você pode, facilmente, encontrar os extremos: desde produções pastelão sem a mínima graça, até longas mais refinados, e que ainda assim, conseguem ser engraçadas. E, podemos encontrar filmes do gênero, que, mesmo não sendo tão "refinados" (no significado mais específico da palavra), conseguem ser inteligentes, tanto na construção de cenas hilariantes, quanto na abordagem de uma boa história, com bons personagens. Nessa categoria, não tem como não colocar Um Peixe Chamado Wanda nela.



Mas, o que faz esse …
Dica de Filme

"Terra Tranquila"
1985
Direção: Geoff Murphy


FICÇÃO CIENTÍFICA ABORDA O PAVOR QUE TEMOS DA SOLIDÃO E AS IMPLICAÇÕES DISSO PARA A NOSSA SANIDADE
A boa ficção científica, por mais que tenha como primeiro intuito o entretenimento puro e simples, alcança o seu grau de maestria quando vai além, e dialoga com o público questões de grande profundidade. Não à toa, algumas dos melhores filmes do gênero de todos os tempos são petardos inclassificáveis, como 2001: Uma Odisséia no Espaço, de Kubrick, e Solaris, de Tarkovski. Só que existe uma ficção científica oitentista pouco lembrada, mas que merece destaque, mesmo sendo uma produção "menor", se comparada aos outros filmes supracitados, que é Terra Tranquila, longa feito na Nova Zelândia, e cuja premissa e a própria realização são interessantíssimas.




De início, vemos longos minutos do nascer do sol, e em seguida, somos apresentados a um dos protagonistas do filme, Zac Hobson, que como é de sua rotina, acorda, levan…