Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro 7, 2016
Filme Não Recomendável

"Boi Neon" 
2015 Direção: Gabriel Mascaro

Chato e sem propósito. Se fosse para resumir "Boi Neon" em poucas e sucintas palavras, seria assim. Mas, como os ossos do ofício pedem que sejamos mais detalhistas, aí vai. Esse filme é mais uma daquelas típicas produções brasileiras que rodam, rodam e rodam para chegarem a lugar nenhum. Um tipo que se pretende cult, algo crítico, mas, no final, fica só na pretensão mesmo, e o espectador mais atento fica com a sensação de que tentaram lhe ludibriar.
A premissa é até boa, vejam: um homem que trabalha com gado, peão que coloca a "mão na massa" no negócio da vaquejada, mas que não é de todo modo rústico e gosta de moda e de costura. No mínimo curioso, e lá vamos nós, claro, conferir. O problema é que em quase duas horas de filme, simplesmente, nada acontece em "Boi Neon"; apenas a sensação de que algo fenomenal está prestes a acontecer. Mas o tempo passa, passa, passa... E, nada!



O filme…
Dica de Filme

"Mia Madre" (2015)
Direção: Nanni Moretti.


O diretor Moretti já tinha mostrado sua visão particular da perda pela morte no belíssimo "O Quarto do Filho". Agora, ele volta ao tema, com "Mia Madre", só que numa perspectiva diferente. Enquanto que no filme anterior a morte vinha de maneira abrupta e inesperada, causando um choque familiar difícil de assimilar, neste, ela vem mais gradativa (mas, não menos dolorosa). Aqui, vemos Ada, uma senhora que vai tendo seus últimos momentos de vida devido a uma grave doença, e a preparação de seus dois filhos para a chegada desse momento.

Apesar de ser o núcleo central da trama, a morte da senhora não é o único ponto explorado. Sua filha, Margherita, é uma renomada cineasta que está filmando a estória da revolta de operários numa fábrica, em decorrência de demissões em massa. Isso acaba servindo para o roteiro abordar, de forma muito equilibrada, questões sociais e até mesmo o papel do cinema para se entend…
Dica de Filme

"O Quarto do Filho" (2001)
Direção: Nanni Moretti.


A perda de um ente querido é um trauma profundo. O que vai diferenciar é o modo como cada um lida com essa perda. Em "O Quarto do Filho", temos perspectivas diferentes da mesma dor, numa única família, mas, todos com a sua razão de agir dessa ou daquela maneira. Aqui, temos um ambiente familiar com os todos os seus eventuais conflitos, desde o trabalho exaustivo do pai, à inadequação do filho em aceitar certas regras.

É, então, que esse filho morre num acidente, e tudo muda. Porém, a mudança mais significativa é a forma de enxergar o mundo de seu pai, sua mãe e sua irmã. Ele, trabalhando como terapeuta, já não consegue mais escutar ninguém e oferecer alguma ajuda. A mãe sente que o marido não está sofrendo como deveria pela morte do filho. E, a irmã do garoto fica isolada, no meio, tentando ser, de forma sutil, algum ponto de equilíbrio para ambos.




Alguns dos melhores momentos do filem são, justamente, …
Dica de Filme

"Crash - Estranhos Prazeres" (1996)
Direção: David Cronenberg.


O desejo sexual, reprimido ou não, numa sociedade em constante estado de deterioração. Só esta premissa já dá argumentos pra estórias bastante interessantes. No caso do escritor J. G. Ballard, serviu como base para criar um livro, onde encontramos uma metáfora em que o prazer está intimamente ligado à dor e ao sofrimento. Para ilustrar isso, pessoas que sentem prazer ao se envolverem em acidentes de carro. Serviu como uma luva para um cineasta como Cronenberg.

Mas, apesar do enredo forte e denso, esperem nada de tão grotesco assim. Sim, estamos falando de um diretor que causou repulsa com produções como "Videodrome" e "A Mosca". Mas, a violência aqui não é tão explícita quanto se faz supor. Ao contrário; ele é até bem comedida. O que são claras e muito bem filmadas são as cenas de sexo, porém, sem serem, necessariamente, explícitas. Isso faz com que tudo fique suspenso dando até um…