Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Agosto 3, 2014
DICA DE DISCO 

"DE LA TIERRA" (2014)




Às vezes, espectativas erradas podem estragar um bom resultado. Quando foi anunciada a formação da banda De La Tierra, cuja proposta era fazer um "rock latino" (sendo lá o que isso queira significar), muitos esperavam que o primeiro disco tivesse um som calcado somente no Sepultura, devido a Andreas Kisser fazer parte do conjunto. Esqueceram-se, no entanto, que o De La Tierra não é um projeto solo de Andreas, e sim um grupo formado por outros integrantes, nas quais as influências são, de fato, bem diferentes.

Além de Andreas na guitarra, temos o Sr. Flavio (do Los Fabulosos Cadillacs) no baixo, Alex “El Animal” González (do Maná) na bateria e Andrés Giménez (do A.N.I.M.A.L) nos vocais. No balanço geral, são duas bandas de heavy metal, e outras duas que flertam com um pop bem leve e radiofônico. É claro que, numa banda de rock, a guitarra quase sempre se sobressai, e aqui fica claro um ou outro som relacionado ao Sepultura. Mas, n…
DICA DE FILME

"QUANTO VALE, OU É POR QUILO?" (2004)




Fazer cinema crítico hoje em dia pode parecer fácil ou simplesmente clichê. Isso porque quando se resolve rodar um filme assim, os resultados geralmente possuem duas falhas. Uma é a pretensão de seus realizadores em realizarem a última obra-prima do momento. Esse problema é mais sutil, porém, torna a coisa extremamente pedante (vide "O Som ao Redor"). Já, a outra falha resvala na ingenuidade com que se abordam certos assuntos. Muitas vezes, por falta de conhecimento prévio, as críticas se tornam rasas.

O diretor Sérgio Bianchi está à margem dessas armadilhas. Afinal, se tem duas coisas que ele não se enquadra é em ser ingênuo e mal-intencionado. Isso se deve a duas palavras-chaves que estão presentes em toda a sua obra (com mais ênfase em "Quanto Vale, ou é Por Quilo?"): ironia e criatividade. Porém, que não haja confusão a respeito dessa ironia, pois ela está presente no sentido de passar a mensagem da f…