Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril 16, 2017
Dica de Filme

"Shin Gojira"
2016
Direção: Hideaki Anno e Shinji Higuchi


A MAIS RECENTE PRODUÇÃO JAPONESA DE GODZILLA É UMA BELA AULA PARA O CINEMA HOLLYWOODIANO DE COMO FAZER FILMES DE MONSTROS
O sub-gênero "filmes de monstros" há muito não traz nada de interessante no cinema. Nem as revisitações de alguns clássicos se saíram bem. Recentemente, tivemos o sul-coreano "O Hospedeiro" e o morte-americano "Círculo de Fogo", que, se não são necessariamente originais, pelo menos, injetaram um pouco de ânimo nesse tipo de sub-gênero. Mesmo assim, a maioria das produções desse tipo atualmente são invariavelmente ruins (vide o terrível "Kong: A Ilha da Caveira"). Então, eis que, ano passado, o cinema japonês nos brindou com um baita filme de monstro, justamente ao revisitar a sua criatura mais clássica: Godzilla. 



A diferença é muito fácil de perceber, e está na abordagem do tema. Enquanto que na maioria desse tipo de filme (principalmente, os holly…
Filme Mais ou Menos Recomendável

"Silence"
2017
Direção: Martin Scorsese


EM SEU MAIS NOVO FILME, SCORSESE ATÉ TENTA IMPRIMIR UM OLHAR SÓBRIO SOBRE A QUESTÃO DA FÉ, MAS, NO FINAL, ENTREGA UMA OBRA VAZIA, COM EMOÇÃO FABRICADA
É difícil falar mal de um filme de Scorsese. Afinal, trata-se do mesmo realizador de obras-primas como "Taxi Driver", "Touro Indomável", "O Rei da Comédia", "Cassino" e "Ilha do Medo". Mas, infelizmente, assim como em "Hugo Cabret", aqui, o diretor perder a mão ao abordar a fé tendo como base a busca de padres jesuítas por um outro padre que está desaparecido no Japão em pleno século 17.  Nessa época, a perseguição aos cristão na terra do sol nascente era enorme, e, segundo boatos, o padre desaparecido renunciou à sua fé, para viver entre o povo japonês de acordo com as suas crenças e tradições. Independente do "caráter catequizador" embutido na trama, é inegável que essa é uma história com…
Dica de Filme

"O Que Está por Vir"
2016
Direção: Mia Hansen-Løve


FILME EXPLORA DE MANEIRA MUITO INTERESSANTE OS MUITOS CONFLITOS IDEOLÓGICOS DA ATUALIDADE, SEM SE PRENDER À OBVIEDADE
Vivemos uma bipolaridade muito forte nos dias atuais. Fato. Direita e Esquerda, progressistas e reacionários, quase sempre, não se entendem, e o que temos, na verdade, é uma luta de egos onde ninguém parece estar ganhando. E, essa é uma das linhas narrativas de "O Que Está por Vir", que aborda de maneira muito sóbria essas disputas ideológicas contemporâneas, mais especificamente no âmbito universitário, entre pessoas de diversas idades. Há, de certa forma, um panfletarismo aqui, sim, mas, no sentido de dar liberdade ao espectador para pensar por si, mesmo mexendo com duas ideologias tão conflituosas e fortes, principalmente, dentro de uma nação como a francesa, que tem isso bem enraizado em sua cultura. Se fosse só por isso, o filme já mereceria aplausos. Felizmente, porém, ele oferece be…