Pular para o conteúdo principal
Dica de Filme

Caos Calmo" (2008)
Direção: Antonello Grimaldi.



O cinema de Nanni Moretti é feito de pequenas sensibilidades, de cotidianos mínimos, aparentemente, banais. Porém, no desenrolar de seus filmes (os quais ele sempre protagoniza). Moretti vai desenvolvendo inquietações, provocações e críticas à nossa maneira de vivenciar o mundo, e os seus eventuais defeitos, com acontecimentos, muitas vezes, imprevisíveis. Nesse contexto, mesmo "Caos Calmo" não sendo dirigido por ele, o filme É a alma de Moretti, e é tão belo e singular quanto qualquer uma de suas produções.

Inclusive, pra quem assistiu o ótimo "O Quarto do Filho" (um dos melhores filmes do cineasta), encontrará similaridades aqui. Ambos tratam do sentimento da perda, mais especificamente, da questão de como tratamos o luto. Porém, enquanto um tinha uma carga dramática mais densa, por tratar do sofrimento de uma família inteira, e sua readaptação a um cotidiano se o ente querido, em "Caos Calmo", o luto é retratado de uma maneira um tanto diferente. Pietro (personagem de Moretti) é um alto executivo, que tem uma vida, aparentemente, normal. Só que, após salvar uma mulher que estava se afogando, algo terrível ocorre: ao chegar em casa, sua esposa havia morrido num acidente.




Com a tragédia, Pietro sente uma certa culpa por não estar em casa para socorrer a esposa. Passa, então, a ter uma atitude inusitada aos olhos dos outros: começa a levar a filha pequena, Cláudia, para a escola todos os dias, e todos os dias espera do lado de fora, numa praça, até o término das aulas. É a partir daí que muitas (pequenas) coisas vão acontecendo, e ele começa a enxergar acontecimentos, à primeira vista, insignificantes, e que acabam fazendo parte de seu novo cotidiano. Pode ser uma mulher caminhando com o seu cachorro, ou um rapaz "especial", que passeia com a sua mãe, e Pietro sempre toca o alarme do carro para que o menino acene para o veículo.

Em linhas gerais, a praça acaba meio que se tornando um "personagem" do filme, alguém que destitui Pietro do seu escritório frio e desumano, para que ele possa ver as coisas simples que estão ao seu redor. Interessante que nem nesse seu "refúgio" Pietro escapa dos pequenos conflitos de trabalho, com amigos do seu escritório vindo sempre "visitá-lo", e pedindo a ele conselhos de todo o tipo (desde profissionais, até pessoais). E, nessa praça, Pietro também começa a ser como uma "válvula de escape" para os que o procuram. Em paralelo, ele vai se aproximando cada vez mais da filha, ao mesmo tempo que descobre o quanto não conhecia tão bem a esposa falecida.




Olhando assim, o filme pode parecer mais um daqueles melodramas, com jeito de auto-ajuda, que Hollywood insiste em nos empurrar goela abaixo todos os anos. Felizmente, não é isso o que temos aqui. Sim, as inevitáveis mensagens de superação e de olhar para as coisas importantes da vida estão nele, mas, com uma diferença: é tudo muito humano, crível e natural. Moretti, co-autor do roteiro, ao lado do diretor Grimaldi, muito sensivelmente, evitou um clima demasiadamente pesado ou piegas, adotando uma roupagem ora mais cômica, ora mais irônica. Mas, sempre com beleza e profundidade de quem sabe o que diz.

A produção também evita se alongar demais em certos temas, tendo um final acontecendo no momento certo, quando Pietro consegue uma espécie de "redenção" em sua jornada pessoal. No entanto, o filme causou uma (desnecessária) polêmica na época de seu lançamento. Tudo por conta de uma cena de sexo só um pouco mais picante que o normal, mas, que está condizente com o contexto da trama, evidenciando um pequeno momento de prazer diante das atuais dores e incertezas. Mas, infelizmente, como vivemos numa sociedade falsamente moralista e tacanha em diversos aspectos, muitos abstraíram as pertinentes mensagens de "Caos Calmo", e só falaram da famigerada cena de sexo. Como o próprio Pietro faria, é melhor rir de toda essa gente...




As atuações estão nada menos do que ótimas, e Nanni Moretti é só um dos destaques. Blu Di Martino está uma verdadeira graça como Cláudia, passando, com segurança, uma personagem até um tanto difícil de fazer. Já, Alessandro Gassman, interpretando Carlo, irmão de Pietro, também se sai muito bem, compondo um personagem que, no decorrer da trama, não se mostra como um mero cara vaidoso e sem inteligência como aparentava no início. E, há até a participação especial de um conhecidíssimo diretor de cinema, dando um certo charme extra à todo o elenco, e cuja participação pode parecer estranha de início, mas, que está em perfeita harmonia com o enredo. A direção segura de Grimaldi completa tudo de forma muito enxuta e satisfatória.

Mesmo não dirigindo "Caos Calmo", Moretti conseguiu imprimir muito bem suas características no longa. E, como ele sempre demonstrou sensibilidade e lucidez para passar suas revigorantes mensagens através do cinema, aqui podemos dizer que temos mais um excelente trabalho seu. Um verdadeiro bálsamo para nos lembramos de algumas coisas importantes. É como aquele amigo que nos ouve nas piores horas, e nos diz: "Nem tudo está perdido. Olhe à sua volta." Que outro filme atual poderia nos proporcionar uma lição de vida tão boa, sem soar piegas, e, ao mesmo tempo, com uma sensibilidade tão latente? Obrigado (de novo!), Sr. Nanni Moretti.


Nota: 9/10.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Debate Sócio-Político
Porto Digital Ocupado!
O número de ocupações contra a PEC 55 (que propõe, entre outras coisas, uma profunda reforma no Ensino Médio) cresce a cada dia, e apesar de algumas dificuldades, a maioria mostra que está no caminho certo. No Recife, a mais recente instituição a ser ocupada foi a Escola em Referência de Ensino Médio (o EREM), pertencente ao Porto Digital, e localizada no bairro do Recife Antigo. Tudo começou durante a manhã de quinta (17), após as aulas serem suspensas para a realização de uma assembleia. A decisão pela ocupação do prédio foi feita como forma de antecipar o pior, já que muitos temiam que a direção da escola chamasse a polícia. 
De acordo com uma das integrantes do movimento, a organização do local está sendo feita aos poucos, para que, em breve, possam acontecer eventos, como palestras, exibição de produções audiovisuais, etc. "Ainda está tudo muito recente. Pretendemos, primeiro, limpar e reformar algumas coisas aqui dentro, para depo…
Lista

10 Melhores Discos Nacionais de 2017 (Até Agora)


Sim, meus caros, não está nada fácil. Achar os "10 melhores discos nacionais lançados em 2017 (ate agora)" demandou bastante tempo, mesmo porque, até no meio do cenário indie, anda rolando uma certa mesmice em termos de sons e atitudes, com bandas soando rigorosamente iguais umas as outras. Está faltando identidade e carisma até na nossa música alternativa, infelizmente. Mas, lamentações à parte, esta é uma pequena lista que se propõe a ser um guia atual para quem deseja saber o que anda acontecendo de bom por aí. 
Torcer, agora, para que os próximos meses sejam mais produtivos no sentido de termos mais lançamentos bons como estes.
🎵


10°
"Feeexta"
Camarones Orquestra Guitarrística


"Canções Para Depois do Ódio"
Marcelo Yuka


"Triinca" Triinca

"Galanga Livre" Rincon Sapiência

"Vênus" Tupimasala
Dica Cultural

Festival MIMO 2016
Programação Olinda


MIMO significa Mostra Internacional de Música em Olinda. E, também resistência de arte da melhor qualidade. Nasceu em 2004, na cidade pernambucana que leva seu nome, e que hoje é patrimônio histórico da humanidade. O que não significa que o festival não ocorra em outros lugares, como vem acontecendo há alguns anos. Este ano, por exemplo, em sua 13ª edição, a MIMO já desembarcou em Portugal, e nas cidades brasileiras de Ouro Preto, Tiradentes, Paraty e, nos próximos dias, no Rio de Janeiro. E, claro, haverá espaço para sua cidade natal, Olinda, que irá abarcar inúmeras atrações de peso entre os dias 18 e 20 de novembro próximos.
A seguir, a programação completa da MIMO em Olinda.


CONCERTOS

18 Novembro / Sexta-Feira

Zeca Baleiro - Violoncelo e Piano
18h - Mosteiro de São Bento / Palco Se Ligaê

João Fênix
19h - Igreja do Carmo

João Bosco & Hamilton d Holanda
19h30 - Mosteiro de São Bento / Palco Se Ligaê

Mário Laginha & Pedro Burmes…